Portos do RN receberão investimentos de R$ 250 milhões até 2010

Os investimentos realizados pela Companhia Docas do Rio Grande do Norte (Codern) no Terminal Salineiro de Areia Branca e no Porto de Natal chegarão à quantia aproximada de R$ 250 milhões até o final de 2010. A informação é do presidente da Codern, Emerson Fernandes. Somente a ampliação e adequação do Porto Ilha custará R$ 175 milhões. Com mais R$ 40 milhões da dragagem do Porto de Natal, prevista para este ano, e ainda os R$ 27 milhões já empregados na repotencialização dos dolphins do terminal salineiro, inaugurado em 2008, o volume de recursos investido nos terminais do Estado chegam a R$ 242 milhões. “É o maior investimento já feito nos portos do Rio Grande do Norte em todos os tempos”, comemora Emerson Fernandes. O cálculo também engloba a repotencialização dos dolphins de atracação, primeira obra do setor portuário a ser concluída com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), em março do ano passado. Com o início das obras de ampliação e adequação deste mesmo terminal, mais R$ 175 milhões serão investidos. O trabalho consiste na ampliação do pátio de estocagem e em melhorias na estrutura do cais de barcaças e nas esteiras. A licitação para esta obra foi concluída no começo de dezembro e teve como vencedora o consórcio formado pelas empresas Constremac, Queiroz Galvão e Carioca SA. Pelo menos R$ 90 milhões já foram empenhados pelo governo federal ao Orçamento Geral da União. Outro montante deverá ser empenhado em 2010. O setor salineiro é um dos que mais emprega no Estado, gerando cerca de R$ 25 mil empregos diretos e 45 mil indiretos, sendo o sal o segundo produto mais exportado do Estado. Porto de Natal Para o Porto de Natal as expectativas não poderiam ser melhores. Além do trabalho que vem sendo feito pela prefeitura, de retirada dos moradores da Comunidade do Maruim, abrindo a perspectiva de ampliação em oito mil metros quadrados da retro-área em 2010, o terminal também deverá receber investimentos para melhorar o acesso dos navios pelo rio Potengi. Neste sentido, aguarda-se para a qualquer momento a conclusão da licitação da obra de dragagem do rio Potengi. O objetivo da obra é aprofundar o canal de acesso para 12,5m de profundidade. Atualmente, essa profundidade é de 10m e impede que navios maiores aportem em Natal. “O aumento da área do porto com o ganho da área de Maruim e o aprofundamento do canal do rio Potengi através da dragagem abrem perspectivas de larga escala para o desenvolvimento do Porto de Natal, com repercussões para a nossa economia por pelo menos mais trinta anos de atividade”, afirma o engenheiro Emerson Fernandes, diretor-presidente da Codern.(Fonte: Tribuna do Norte - Natal (RN)


    GHT     Jan de Nul     Antaq
             

Tche Digital

 

 

Anuncie PN

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios