Navalshore

Construtor naval coreano terá tecnologia para transportar hidrogênio por navio até 2025

A Korea Shipbuilding & Offshore Engineering (KSOE) espera ter a tecnologia para transportar hidrogênio por navio até 2025. O desenvolvimento da KSOE, braço de construção naval do Hyundai Heavy Industries Group, um dos maiores construtores navais do mundo, ocorre em meio ao crescente interesse global em lançar o hidrogênio como uma alternativa de combustível mais limpa.

Estaleiros em todo o mundo estão procurando maneiras de transportar o gás, atualmente fornecido por meio de dutos e caminhões.

Um grande desafio é manter o hidrogênio refrigerado a menos 253 graus Celsius – apenas 20 graus acima do zero absoluto, a temperatura mais fria possível – para que permaneça na forma líquida.

PUBLICIDADE

Portonave


A KSOE já desenvolveu um navio-conceito com capacidade de 20.000 metros cúbicos, disse Yoo Byeong-yong, vice-presidente do Instituto de Pesquisa de Sistemas de Energia da instituição.

Os navios-tanque de hidrogênio crescerão em tamanho à medida que a tecnologia se desenvolver.

Espera-se que cerca de 20 navios com capacidade de 20.000 metros cúbicos sejam construídos a partir de 2030. Se a demanda crescer, o número poderá chegar a 200 navios de 170.000 metros cúbicos após 2040, segundo estimativas.


Pesa

        Jan de Nul     Antaq
             

Tche Digital

 

 

Anuncie PN

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios