Anuncie na Portos e Navios

Porto de Camocim (CE) deve passar da CDC ao município

Com 64 mil habitantes, Camocim, a 364 quilômetros de Fortaleza, tem a pesca e a extração de sal marinho como os principais destaques do setor primário, que prevalece na sua economia – consequência direta das características geográficas do município, na região norte do Ceará, que é banhado pelo rio Coreaú.

Os setores poderiam gerar um número bem maior de empregos diretos e indiretos, se o porto da cidade estivesse em condições estruturais adequadas e em pleno funcionamento.

A revitalização do equipamento foi tema de reunião, realizada na terça-feira (6), no município, entre o diretor-presidente da Companhia Docas do Ceará, Lucio Gomes, a prefeita de Camocim, Betinha Magalhães, o deputado estadual Sérgio Aguiar, a ex-prefeita Mônica Aguiar e o coordenador de Marketing da CDC, Mário Jorge, além de secretários do município.

PUBLICIDADE


No encontro, O Diretor-Presidente da Companhia Docas do Ceará, Lucio Gomes, sinalizou a possibilidade de transferir a administração do terminal, hoje sob a responsabilidade da CDC, para a Prefeitura, para melhor aproveitamento do porto.

“A Prefeitura de Camocim tem plenas condições de potencializar as atividades do porto. Conhece, de perto, as vocações: pesca, beneficiamento de pescado, gastronomia, e até educação, voltada para essas atividades. Além de tudo, o lugar é belíssimo!”, disse Lucio Gomes.

“A vinda da Companhia Docas nos enche de esperanças em iniciarmos um projeto que vai gerar muitas oportunidades de emprego e renda”, disse a prefeita Betinha Magalhães ao reforçar que Termo de Parceria será realizado para viabilizar a transferência do espaço.



Intermodal

      GHT    Antaq
       

 

 

Anuncie PN

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios
       
       

© Portos e Navios. Todos os direitos reservados. Editora Quebra-Mar Ltda.
Rua Leandro Martins, 10/6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - CEP 20080-070 - Tel. +55 21 2283-1407
Diretores - Marcos Godoy Perez e Rosângela Vieira