MSC

Prumo Logística e TotalEnergies assinam acordo para eólicas offshore no Porto do Açu

Memorando de Entendimento visa desenvolver bases logísticas no empreendimento portuário para instalação de parque eólico

A Prumo Logística, holding controlada pelo EIG e responsável pelo desenvolvimento do Porto do Açu, e a TotalEnergies, empresa multinergética, que produz e comercializa energia, anunciaram nesta quinta-feira (17) Memorando de Entendimentos (MoU, na sigla em inglês) para estudos que visam a instalação de bases de apoio logístico no Açu para apoiar projetos eólicos que venham a ser desenvolvidos pela TotalEnergies na costa do empreendimento portuário.

Com esta assinatura, a TotalEnergies desenvolverá por até dois anos estudos de viabilidade para a implantação de parques eólicos em alto-mar com até 3GW de potência no estado do Rio de janeiro. O intuito é usar o Porto do Açu como hub logístico em todas as fases do projeto, como base de apoio para construção, na fase de instalação e de operação dos projetos eólicos offshore da TotalEnergies.

PUBLICIDADE

Portonave


“Estamos muito satisfeitos com a assinatura do MoU com a Prumo Logística. A TotalEnergies tem reconhecida experiência em eólicas offshore e possui um portfólio global em desenvolvimento com capacidade total de mais de 12 GW. No Brasil, a Empresa apresentou neste ano ao Instituto do Meio Ambiente e Recursos Naturais (Ibama) um pedido de licenciamento de três projetos eólicos offshore com capacidade total de 9 GW. Como uma empresa multienergética, a expansão das atividades no segmento eólico offshore está em linha com a estratégia de alcançar a neutralidade de carbono até 2050 e com o compromisso de investir a longo prazo no país”, afirma Charles Fernandes, diretor geral da TotalEnergies EP Brasil e Country Chair da Companhia no Brasil.

“A parceria com a TotalEnergies comprova que o Porto do Açu é o parceiro ideal no sudeste brasileiro para o desenvolvimento de eólicas offshore. Somos o melhor local para instalação das bases logísticas para empresas que queiram fabricar, produzir e operar com vantagem competitiva. Temos vasta retroárea e porto com condições de calado única no Brasil. Além disso, estamos em fase de atração de fábricas que tenham sinergia com esse negócio”, explica Rogério Zampronha, CEO da Prumo Logística.

”A costa do Porto do Açu já conta com 33GW de projetos de eólica offshore em licenciamento no Ibama. Isso torna este porto-indústria uma plataforma para a industrialização de baixo carbono, com memorandos assinados também para o desenvolvimento de plantas para hidrogênio verde e energia fotovoltaica. Este ano anunciamos outras parcerias com players globais e a ideia é que estes projetos sejam desenvolvidos de forma simultânea, aproveitando a expertise e infraestrutura existente no Açu, além da projeção de demanda da região Sudeste por energia”, projeta Mauro Andrade, diretor de Novos Negócios da Prumo.



Navalshore Amazônia

    Navalshore 2023     GHT     Antaq
             

Tche Digital

 

 

Anuncie PN

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios
             
             

MSC

Navalshore Amazônia

Navalshore 2023

Bombando

Error: No articles to display