Navalshore 2024

ATP avalia ranking ambiental de Terminais Portuários Privados

A ATP (Associação dos Terminais Portuários Privados), entidade que tem a maior representatividade do setor portuário privado no Brasil, avalia o Índice de Desempenho Ambiental, divulgado na quinta-feira (26) pela Antaq (Agência Nacional de Transportes Aquaviários), de maneira positiva. Este já o segundo ranking do tipo feito pela Agência que engloba os Terminais e Uso Privado – TUP - e mostra quais são as empresas mais alinhadas aos 38 indicadores relacionados a conformidades legais vigentes no País e boas práticas em gestão ambiental, saúde e segurança de operações.

"Ter bons índices de desempenho ambiental comprova a preocupação que os TUP têm com a qualidade das operações, com a sociedade local e suas adjacências. São investimentos em projetos de sustentabilidade que visam a mitigação dos efeitos das mudanças ambientais e climáticas. Os Terminais acompanham as políticas públicas voltadas aos green bonds - títulos para investimentos em projetos “verdes”, que têm tido crescente valorização no mercado de capitais brasileiro e do exterior”, afirma o diretor-presidente da ATP, Murillo Barbosa.

Entre os associados da ATP citados com destaque no ranking estão os terminais Portonave, Vale, Transpetro, Porto de Itapoá, DP World, ArcelorMittal, Usiminas e Gerdau. As empresas que compõem a Associação movimentam 60% da carga portuária brasileira e respondem pela geração de 47 mil empregos diretos e indiretos.

PUBLICIDADE

Ecobrasil




Praticagem

   ATP    GHT    abtp
       

Hidroclean

 

 

Países Baixos

 

  Pesa   Assine Portos e Navios
       
       

© Portos e Navios. Todos os direitos reservados. Editora Quebra-Mar Ltda.
Rua Leandro Martins, 10/6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - CEP 20080-070 - Tel. +55 21 2283-1407
Diretores - Marcos Godoy Perez e Rosângela Vieira