Great Ocean

Da mina ao porto: concessão de ferrovia vai impactar Porto de Ilhéus

Depois do primeiro leilão da Infra Week, voltado à concessão de 22 aeroportos à gestão da iniciativa privada nesta quarta-feira (7), será a vez da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol), concessão que deverá trazer impactos no setor portuário, mais especificamente ao Porto de Ilhéus (BA). O leilão será realizado nesta quinta-feira (8).

“No caso da Fiol, teremos um sistema mina-ferrovia-porto, um clássico. Como o minério de ferro está em alta, há interesse por ter essa conexão ferroviária, da mina para o porto. Então, a ferrovia acaba sendo muito atrativa para o dono da carga, para quem opera a mina”, avalia o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

A Fiol representa o primeiro trecho de outros dois que serão leiloados em conjunto com a ferrovia de integração Centro-Oeste. Com isso, o corredor leste-oeste estará inteiramente integrado e operando, pelos planos do Minfra.

“Vamos começar pelo primeiro segmento, da mina para o porto. O empreendedor faz o investimento na ferrovia, conclui as obras que estão por fazer (a ferrovia já tem 70% de obras concluídas), faz o investimento no porto e começa a operar. As cargas iniciais serão de minério de ferro, mas haverá capacidade instalada para ser preenchida aos poucos por outras cargas”, disse o ministro.


TMSA


Segundo ele, novas cargas deverão sair do Tocantins, da Bahia e seus estados fronteiriços, e, mais à frente, até do Mato Grosso e de Goiás em direção ao Porto de Ilhéus. “A Fiol vai cortar esses estados e se ligar à ferrovia Norte-Sul, que é nossa coluna vertebral, um grande corredor de integração para se conectar ao Porto de Ilhéus, que vai crescer muito em movimentação ao longo dos próximos anos”, comentou.

Ele aposta na Fiol como um projeto estruturante, que vai induzir novas cargas. “É fundamental fazer esse leilão agora e transferir esse ativo para a iniciativa privada porque estamos falando de mais de R$ 3,3 bilhões em investimento ferroviário e portuário”, destacou.

A Fiol é o segundo trecho de ferrovia que será licitado dentro do atual programa de concessões — o Norte-Sul foi em 2020.


Marintec Navalshore




Hidromares

Assine o Notícias do dia

Assine Portos e Navios

Priner fundo transp Terlogs
  Mampaey     Assine Portos e Navios

  Catálogo da Indústria Marítima

 

 

  Anuncie PN

 

Tche Digital

 

 

Marintec Navalshore

 

Sinaval   Abratec