MSC

Chegada da plataforma P-32 mobiliza porto e estaleiro no Rio Grande

Uma operação complexa vai movimentar a região do Porto de Rio Grande nesta semana. Dezenas de profissionais de diferentes órgãos e empresas participarão do processo para a chegada da plataforma P-32, que chegará até sexta-feira (8) ao Estaleiro Rio Grande, onde será desmantelada.

O trabalho envolve mais de dois meses de preparação para que a embarcação, que tem mais de 40 mil toneladas, desloque-se em segurança até o dique do estaleiro. Os esforços unem a Portos RS, Marinha do Brasil, Praticagem da Barra e diversas empresas.

"É um dos movimentos mais complexos que já tivemos na região. Inclusive o acesso ao canal do Porto de Rio Grande ficará interrompido por algumas horas. Estamos tomando todas as medidas para que a operação seja concluída com máxima segurança", destacou o gerente de planejamento e desenvolvimento da Portos RS, Fernando Estima.

PUBLICIDADE


Entre 50 e 70 pessoas estarão envolvidas no deslocamento da P-32, entre profissionais de praticagem e equipes de solo. Para a chegada da plataforma, foram implementadas medidas como o monitoramento em tempo real da correnteza oriunda da Lagoa dos Patos.

A embarcação chega ao estaleiro Rio Grande para ser totalmente desmantelada, sendo a maior unidade marítima a passar por esse processo no país. A plataforma foi adquirida pela Gerdau, maior empresa brasileira produtora de aço, que contratou a Ecovix, proprietária do estaleiro, para a desmontagem.

No trabalho, que levará cerca de um ano, a sucata metálica será utilizada como matéria-prima pela Gerdau para produção de aço em suas usinas de Charqueadas (RS) e Sapucaia do Sul (RS). Outros materiais serão enviados para descarte seguro, com praticamente 100% da unidade sendo reciclada, em um processo ambientalmente responsável. Mais de 200 vagas de emprego serão geradas com a operação.

"É um enorme avanço para toda a região, que se coloca numa condição ímpar no setor naval, contribuindo com a geração de empregos, renda e colocando Rio Grande como referência na destinação sustentável de plataformas", enfatizou Estima.

Além da P-32, a plataforma P-33 também será desmantelada no estaleiro. O resultado do leilão foi anunciado no dia 1º, com a Gerdau como vencedora do certame. A embarcação deve chegar em meados de 2024 e, assim como na P-32, o processo levará cerca de um ano, com a geração de 200 empregos. "São notícias muito positivas, que dão um novo impulso ao Polo Naval do Rio Grande, trazendo ótimas perspectivas para toda a região", comemorou o prefeito do Rio Grande, Fábio Branco.



Intermodal

      GHT    Antaq
       

 

 

Anuncie PN

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios
       
       

© Portos e Navios. Todos os direitos reservados. Editora Quebra-Mar Ltda.
Rua Leandro Martins, 10/6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - CEP 20080-070 - Tel. +55 21 2283-1407
Diretores - Marcos Godoy Perez e Rosângela Vieira