MSC

COP28 destaca metano como vilão para o aquecimento global, com respingos para motores a GNL

Os navios movidos a GNL devem ganhar um novo olhar, após a COP28. Numa conferência de imprensa no primeiro dia do evento, o enviado presidencial especial dos EUA para o clima, John Kerry, disse que os EUA dão “um grande enfoque à redução do metano” — e espera um compromisso semelhante por parte da China. Ambos os países são os maiores emissores do mundo.

Restrito a assinantes


Intermodal

      GHT    Antaq
       

 

 

Anuncie PN

 

  Sinaval   Assine Portos e Navios
       
       

© Portos e Navios. Todos os direitos reservados. Editora Quebra-Mar Ltda.
Rua Leandro Martins, 10/6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - CEP 20080-070 - Tel. +55 21 2283-1407
Diretores - Marcos Godoy Perez e Rosângela Vieira