Navalshore 2024

Pré-sal trará R$ 200 milhões a Angra

Exploração de petróleo na camada do pré-sal terá investimentos de 200 bilhões de reais nos próximos cinco anos
Angra dos Reis - A empresa Technip - responsável pelo Terminal Portuário de Angra dos Reis (TPAR) -, em parceria com a prefeitura anunciou hoje, em uma coletiva, os investimentos que serão realizados para adequar a estrutura que ela tem na cidade à extração de petróleo na camada do pré-sal. A ideia é que até 2012 sejam investidos 600 milhões de reais para a execução da primeira fase de revitalização do porto de Angra dos Reis, quando o número de empregos no porto deve saltar de 100 para 255. O objetivo dos investimentos é transformar o porto da cidade em um instrumento de desenvolvimento do Pré-sal.
- 2015 parece muito tempo, mas não é nada em termos de petróleo. Hoje Angra tem a vantagem de sair na frente de todas as outras cidades da costa do Estado, pois o pré-sal está bem na porta da nossa cidade. E por isso estamos buscando todas as formas para alavancar a nossa economia, e a história vai provar que esse investimento vai dar certo - ressaltou o prefeito Tuca Jordão (PMDB).
A Petrobrás - uma das maiores clientes da Technip - será responsável por investir cerca de 200 bilhões de reais nos próximos cinco anos, para montar a logística da exploração do petróleo. Além da modernização da infra-estrutura do porto, a Technip pretende utilizar a rua Lopes Trovão ( que fica próximo ao Terminal Portuário); reintegrar a área do Cais da Lapa; criar programas sócio-ambientais e implantar um centro de capacitação e treinamento para qualificar a mão-de-obra dos trabalhadores. A empresa acredita que até 2014 gerará cerca de 4 milhões de reais em ISS (Imposto Sobre Serviços) e cerca de dois mil empregos.
- Hoje temos 100 funcionários fixos, e a previsão é de que somente na primeira fase já sejam 265 funcionários. A nossa intenção é melhorar cada vez mais a economia do município, e dar oportunidade ao trabalhador angrense - destacou o diretor Robson. Segundo as informações da Technip, o projeto de revitalização do porto só terá inicio após serem liberados os prazos de licenciamento ambiental e de algumas autorizações, como a da prefeitura, da Marinha e da Secretaria do Patrimônio da União (SPU). Após serem concedidas, a empresa pretende também, em parceria com a prefeitura, melhorar os acessos rodoviários e ferroviários da cidade.
- A cidade está de portas abertas para receber esse projeto incrível. Esperamos que a iniciativa da Technip alavanque todos os setores da nossa cidade. Já discutimos as contra-propostas com a empresa, e tenho certeza de que o município de Angra dos Reis só tem a ganhar com a exploração do Pré-sal - reforçou o prefeito Tuca.Segundo os dados da empresa, o pré-sal possui um potencial de 100 bilhões de barris de petróleo. A previsão é de que em cinco anos a estrutura de apoio à exploração no Terminal Portuário esteja pronta.
- Angra tem uma posição muito privilegiada para a exportação de petróleo. Em termos do Pré-sal então, é como a "menina dos olhos". E por isso, vamos dar início à formação da estrutura do porto que será responsável pela expl

Fonte: Diário do Vale



Praticagem

   ATP    GHT    abtp
       

Hidroclean

 

 

Países Baixos

 

  Pesa   Assine Portos e Navios
       
       

© Portos e Navios. Todos os direitos reservados. Editora Quebra-Mar Ltda.
Rua Leandro Martins, 10/6º andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ - CEP 20080-070 - Tel. +55 21 2283-1407
Diretores - Marcos Godoy Perez e Rosângela Vieira